Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Postagens populares

Visualizações de páginas da semana passada

Google+ Badge

Translate

8 de nov de 2016

Oficina e lançamentos em Santos, dia 12/11


SANTOS

Cidinha da Silva lança livro e realiza oficina neste sábado (12)

Programação acontece no Sesc Santos e faz parte do projeto Habitar Afetos e Narrativas – Negr@s Protagonist@s
08 de novembro de 2016 - 11:24
Da Redação
No dia 12 de novembro, pela primeira vez em Santos, a escritora Cidinha da Silva realizará oficina literária, durante a manhã e tarde. E ao final do dia, acontecerá o lançamento de seus livros: “#Parem de nos matar!” (Ijumaa, 2016) e “Canções de Amor e Dengo” (Me Parió Revolução, 2016).
A oficina, que acontecerá das 10 às 17 horas, propõe trabalhar as principais características do gênero crônica (leveza, crítica, ironia, ritmo, humor, entre outras), em diferentes formatos, tais como relato, diálogo, texto jornalístico, texto opinativo, crítica cultural e/ou de costumes.
Com marcante presença na obra de diversos autores e autoras, como Drummond, Fernando Sabino, Machado de Assis, Lima Barreto, João do Rio, Pedro Juan Guterrez, Clarice Lispector, Rachel de Queiroz e Carolina Maria de Jesus, a crônica possui papel central na escrita brasileira, do jornal impresso à disputa de narrativas nas mídias digitais.
Também serão apresentadas diferentes expressões artísticas da crônica nacional recorrentes no universo da música, como é o caso do samba, rap, funk, rock dos anos 80, forró e até das músicas de “dor de cotovelo”.
A mineira Cidinha da Silva é prosadora e dramaturga. Tem nove livros de literatura publicados. Possui centenas de crônicas, ensaios e artigos publicados na internet, principalmente em seu blog cidinhadasilva.blogspot.com.br. É colunista dos portais Fórum, Diário do Centro do Mundo e Geledés.
cidinha-da-silva_oficina-literaria
Lançamento dos livros, das 17h30 às 18h30
O livro “#Parem de nos matar!” (Ijumaa, 2016), décimo da escritora Cidinha da Silva, aborda o genocídio da população negra no Brasil, via extermínio físico de jovens negros, principalmente, e morte simbólica e cultural praticada pelas ferramentas de comunicação de massa. Foram selecionadas 72 crônicas escritas entre 2012 e 2016 que recobrem a interseção racismo e futebol, arte, políticas públicas de educação, imigração e cultura, movimentos sociais, homoafetividades e resistência a esse estado de coisas.
O poemário “Canções de Amor e Dengo” (Me Parió Revolução, 2016), é o primeiro livro de poemas de Cidinha e sintetiza no título o resgate do afeto, cada vez mais raro na poesia brasileira contemporânea. São poemas de voos, da arte de ter asas e da engenharia de ser passarinho, expressos em linguagem coloquial com forte pegada lírica.
Essas atividades fazem parte do projeto Habitar Afetos e Narrativas – Negr@s Protagonist@s: Aos sábados do mês de novembro, mulheres negras – artistas, educadoras e pesquisadoras – partilham seus saberes e dramas, tramando a muitas mãos uma teia de alteridade e auto-amor formada por palavras, histórias e corpos.
Cinema, escrita literária, dança, vivências lúdicas, entre outras formas expressivas, jogam luz às potencialidades deste grupo numericamente e culturalmente tão significativo na sociedade brasileira e, ainda assim, tão suprimido e invisibilizado.
Pensadoras e realizadoras que evidenciam a irreversibilidade da mulher negra como sujeito político, a despeito do machismo e racismo ainda tão presentes nos tempos do agora.

Serviço
Habitar afetos e narrativas – negr@s protagonist@s
Oficina de Criação Literária, com Cidinha da Silva | das 10h às 13h e 14h às 17h;
Lançamento dos livros: “#Parem de nos matar!” (Ijumaa, 2016) e “Canções de Amor e Dengo” (Me Parió Revolução, 2016), de Cidinha da Silva | 17h30 às 18h30;
Dia: 12 de novembro de 2016;
Local: Sesc Santos – Rua Conselheiro Ribas, 136;
Grátis
Postar um comentário