Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Postagens populares

Visualizações de páginas da semana passada

Google+ Badge

Translate

17 de mar de 2012

Cia Capulanas e Cidinha da Silva nos palcos em 2013

A Cia Capulanas de Arte Negra é um dos 20 grupos selecionados pela 20ª Edição do “Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo.” O programa tem como objetivo selecionar e apoiar a manutenção e a criação de projetos de trabalho continuado de pesquisa e de produção teatral, visando assim o desenvolvimento do teatro, além de proporcionar melhor acesso da população ao mesmo, por intermédio de grupos profissionais de teatro financiados pela iniciativa. A Cia Capulanas, que já havia sido selecionada na 19º edição do Programa, com o projeto “Pé no Quintal”, consolida uma trajetória de produção de arte negra com vistas à formação de público nas periferias de São Paulo. Nessa edição, tenho a imensa alegria de ser responsável pelo texto de SANGOMA: SAÚDE ÀS MULHERES NEGRAS, novo trabalho da Cia. As meninas acolheram meu desejo de trabalhar com elas e encomendaram a dramaturgia. Conversamos, elas disseram o que queriam e escrevi. Elas gostaram, se emocionaram e vão trabalhar com meu texto, pontapé inicial para a construção do espetáculo, obra coletiva da Cia Capulanas. A proposta de SANGOMA é abordar a saúde das mulheres negras detalhando subjetividades emocionais que produzem doença, a saber, a forma como o racismo e a discriminação racial impõem o silêncio, a rejeição, a frustração, a mágoa, a solidão, a ausência reiterada do amor que leva à dificuldade de abrir o coração ao amor, quando surge, e a reconquista da saúde pela dança, música, pela arte em geral, mas principalmente pela palavra que rompe o silêncio imposto, anima, revigora, dá voz. Também pelo silêncio opcional, pela estima fortalecida e pelo amor. O espetáculo virá a público em 2013. Até lá, muito trabalho. Ngunzo, Capulanas! Obrigada.
Postar um comentário