Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Postagens populares

Visualizações de páginas da semana passada

Google+ Badge

Translate

27 de jan de 2012

17 anos sem Beatriz Nascimento

(Por Alex Ratts). "Neste sábado, 28 de janeiro, completam-se 17 anos da morte de Beatriz Nascimento, historiadora, ativista e poeta negra, nascida em 1942, na cidade de Aracaju, Sergipe, e que migra com a família para o Rio de Janeiro onde faz sua trajetória escolar, acadêmica, militante e artística. É co-fundadora do IPCN e do Grupo de Trabalho André Rebouças (GTAR), coletivo de estudantes negros que contava com colaboradores/as de vários pertencimentos étnico-raciais e que atuou na Universidade Federal Fluminense por mais de 15 anos. Pesquisadora da temática dos quilombos por cerca de duas décadas, também escreveu artigos acerca de outros temas como racismo, cultura e mulher negra. Em vida, tornou públicos alguns poemas e prosas poéticas a exemplo de Urgência (A Potência Z) e dos textos e narração para o filme Ori (Raquel Gerber, 1989). Tornou-se ela mesma uma “vontade de potência”: a potência Beatriz."
Postar um comentário