Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Bate-papo no PAF 3 da UFBA (Ondina, Salvador) - 13 de julho de 2017

Postagens populares

Visualizações de páginas da semana passada

Google+ Badge

Translate

2 de dez de 2008

AFRICALA - Fórum de Cinema Africano, em Saõ Paulo

(Texto de divulgação). "AFRICALA (África en Latinoamérica) é uma associação internacional sem fins lucrativos que promove o cinema africano no México e na América do Sul. Sua principal atividade é a organização do Festival Internacional de Cine Africano de la Ciudad de México, evento que acontece todos os anos no mês de abril, em distintas salas da Cidade do México. AFRICALA se apresenta como fórum de cinema africano e de intercâmbios com este continente. Uma de suas características é a de ser um festival que convida agentes, multiplicadores e organizações sociais, assim como instituições culturais, para participarem de sua grade de atividades que, além da exibição de filmes contemporâneos, conta com mesas-redondas, oficinas e palestras com, ao menos, um diretor de cinema africano. Em novembro, mês da Consciência Negra, a Cinemateca Brasileira exibe uma seleção de títulos da última edição do AFRICALA, com destaque para a produção dos países lusófonos. A programação inclui um panorama da produção contemporânea, duas coletâneas de curtas e uma animação direcionada ao público infantil. Convidado especial do evento, o cineasta moçambicano Sol de Carvalho exibe uma seleção de seus filmes e conversa com o público após a exibição de seu longa O jardim do outro homem, o primeiro filmado em película no país depois de mais de 25 anos e que marca o regresso do cinema moçambicano às salas. O Centro Cultural da Espanha em São Paulo /AECID apóia o AFRICALA e viabilizou a vinda dos filmes que serão exibidos na Cinemateca Brasileira, assim como a presença de Flávio Florencio, curador do Festival, e do cineasta Sol de Carvalho". CINEMATECA BRASILEIRA Largo Senador Raul Cardoso, 207 próxima ao Metrô Vila Mariana Informações: (11) 3512-6111 (ramal 215) www.cinemateca.gov.br Ingressos: R$ 8,00 (inteira) / R$ 4,00 (meia-entrada) Atenção: estudantes do Ensino Fundamental e Médio de escolas públicas têm direito à entrada gratuita mediante a apresentação da carteirinha. SINOPSES E FICHAS TÉCNICAS. PANORAMA CONTEMPORÂNEO DE CINEMA AFRICANO. Angola: saudades de quem te ama, de Richard Pakleppa.> Angola, 2005, cor, 66’ | Legendas em português | Exibição em DVD. De crianças de rua à modelos de passarela, o espectador mergulha num caleidoscópio de personagens e cores que giram em torno das grandes contradições entre pobreza e luxo em um dos maiores produtores de petróleo e diamantes da África. A casa da mãe (The mother’s house), de Francois Verster.> África o Sul, 2005, cor, 76’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Panorama de três gerações de mulheres que lutam por encontrar amor e paz em meio da dor e da ira dentro de sua comunidade. Relato de quatro anos da vida de Miche, menina que está se tornando mulher. Ela vive com a avó e a mãe e terá de romper o círculo insuportável da violência emocional e física que afeta a todas elas. Cuba, uma odisséia africana (Cuba, une odyssée africaine), de Jihan el Tahri.> França, 2007, cor/pb, 118’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Documentário sobre a presença de tropas cubanas durante o movimento de libertação do continente africano. Segundo dados oficiais, somente por Angola passaram mais de 377.000 militares cubanos auxiliados por 50.000 colaboradores civis. Nos embates, 2.000 cubanos (entre civis e militares) perderam a vida. O heróí, de Zézé Gamboa.> Angola/Francia/Portugal, 2004, 35mm, cor, 97’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Makena Diop, Milton 'Santo' Coelho, Maria Ceiça, Patrícia Bull. Vitório, um veterano de guerra civil angolana que teve a perna amputada, tenta procurar um trabalho. As dificuldades começam quando lhe roubam a prótese e a medalha de condecoração. O menino adormecido (L´enfant endormi), de Yasmine Kassar.> Marrocos/Bélgica, 2004, 35mm, cor, 95’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Rachida Brakni, Mounia Osfour, Nermine Elhaggar, Fatna Abdessamie. Realizado num pequeno povoado ao noroeste do Marrocos, o casamento de Zeinab pouco se parece com uma celebração uma vez que seu marido está disposto deixá-la para tentar a sorte clandestinamente na Espanha. Moolaadé, de Ousmane Sembene. Senegal/França/Burquina Faso/Camarões/Marrocos/Tunísia, 2004, 35mm, cor, 117’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Fatoumata Coulibaly, Maimouna Hélène Diarra, Salimata Traoré, Dominique Zeïda. Sete anos atrás, Collé Ardo não permitiu a ablação da filha, uma prática que se confunde com a barbárie. Agora quatro meninas acabam de fugir da aldeia para escapar do mesmo ritual e tem início um confronto de valores: o respeito ao direito de asilo (moolaade) e a tradição da ablação (salinde). Na cidade vazia, de Maria João Ganga. Angola/França/Portugal, 2004, cor, 90’ | Legendas em português | Exibição em DVD João Roldan, Domingos Fernandes Fonseca, Júlia Botelho, Ana Bustorff. Um grupo de crianças refugiadas de guerra volta para Luanda. Quando chegam ao aeroporto, N’Dala se separa do grupo. O menino explora a cidade destruída e fantasia em voltar para a casa e encontrar com os pais mortos. SESSÃO INFANTIL. A árvore dos espíritos (L’ arbre aux esprits), de Cilia Sawadogo> Burkina Faso, 2006, vídeo digital, 40’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Animação 3D para crianças, ambientada na savana africana. Os personagens Kodou e Tano encontram Ayoka, guardiã de um grande baobá ameaçado por um empresário sem escrúpulos. Kodou descobre que a árvore é, na verdade, um portal para o mundo de seus ancentrais e decide atravessá-lo para buscar ajuda. CURTAS: > Confissão (Confession), de Daddy Ruhorahoza. Ruanda, 2007, vídeo digital, cor, 15’ | Legendas em português | Exibição em DVD Ayuub Kasasa Mago, Alice Kayibanda, Daddy Ruhorahoza, Natacha Muziramakenga Psicológicamente atormentado por algo muito grave que fez no passado, um homem vai ao confessionário. Após confessar-se a um padre, e sem sentir-se aliviado, adota uma forma original de pedir perdão. E aí está o pó (And there is the dust), de Lara Foot Newton e Gerhard Marx.> África do Sul, 2005, vídeo digital, cor, 8’ | Legendas em português | Exibição em DVD Baseado em fatos reais ocorridos na África do Sul em 2001, esta animação conta a história de um bebê de 9 meses que foi violentado e assassinado. Metade animação, metade realidade o filme é um poema visual maravilhosamente narrado por Mncedisi Shabangu. Subira, de Ravneet Chadh. Quênia, 2008, cor, 12’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Animação sobre uma menina de 11 anos que luta contra a própria mãe, pois não está de acordo com as normas da sociedade. Eu te amo (I love you), de Rogerio Manjate. Moçambique, 2007, vídeo digital, cor, 3’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Seane Josefa, Marília Nuvunga Curta-metragem sem diálogos sobre jovem ingênuo se apaixona por sua vizinha, uma linda prostituta. Procura advertí-la dos perigos do HIV mas não sabe de que maneira. Tráfico de carvão (Charcoal traffic), de Nathan Collet. Somália/Quênia, 2008, cor, 7’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Dois irmãos envolvidos em um ciclo violento de destruição ambiental e cultural na Somália. CINEASTA CONVIDADO – SOL DE CARVALHO: Contos tradicionais, de Sol de Carvalho. Moçambique, 2002, 12’ | Legendas em português | Exibição em DVD Duas histórias recolhidas pelo antropólogo Henry Junod – estudioso que descobriu os usos e costumes da população bantu da África Subsaariana. Os contos explicam como as comunidades têm sistemas tradicionais que habituam as crianças a respeitar a natureza. Garras e dentes, de Sol de Carvalho. Moçambique, 2003, DV Cam, 26’ | Legendas em português | Exibição em DVD Pequeño documentário que explora as diferenças entre a pobreza do dia de um pescador de carangueijos em oposição ao luxo do preparo de um jantar de caranguejos à noite. Janela, de Sol de Carvalho. Moçambique, 2005, 16mm/DV Cam, 12’ | Legendas em português | Exibição em DVD A história de um homem que sonha com a mulher de sua vida, mas a perde porque é obrigado a obedecer uma ordem de seu patrão. > O jardim do outro homem, de Sol de Carvalho. Moçambique/Portugal/França, 2006, 35mm, cor, 95’ | Legendas em português | Exibição em DVD Uma história sobre a solidariedade feminina na cidade de Maputo. Sofia vive com sua avó, sua mãe e seu irmão menor. Seu pai foi trabalhar na África do Sul e nunca mais retornou. Seu noivo também a desilude. Contra a vontade da mãe, Sofia tenta estudar medicina, mas seu professor a chantageia: o diploma em troca de favores sexuais. Em seu desespero, Sofia está ponto de aceitar a proposta. Quando o mar bate na rocha, de Sol de Carvalho. Moçambique, 2000, 12’ | Legendas em português | Exibição em DVD As plataformas rochosas da costa moçambicana têm o hábito de respeitar a colheita do mexilhão que tanto delicia os turistas. Porém, a pobreza impede que este costume se mantenha, já que a pesca de mexilhões compromete a vida de jovens pescadores SESSÃO ESPECIAL – FILHOS DO GENOCÍDIO: Por motivo dos 60 anos da Declaração dos Direitos Humanos esta sessão tenta transmitir, através desta jovem geração de cineastas ruandenses, a importância da memória para a reconciliação nacional deste povo. Filhos do genocídio apresenta cinco curtas com pontos de vistas de jovens cineastas sobre os acontecimentos de 1994 que resultaram na morte de mais de 800.000 ruandenses. Confissão (Confession), de Daddy Ruhorahoza. Ruanda, 2007, vídeo digital, cor, 15’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Ayuub Kasasa Mago, Alice Kayibanda, Daddy Ruhorahoza, Natacha Muziramakenga Psicológicamente atormentado por algo muito grave que fez no passado, um homem vai ao confessionário. Após confessar-se a um padre, e sem sentir-se aliviado, adota uma forma original de pedir perdão. > Perdido no sul (Lost in the South), de Daddy Ruhorahoza. Ruanda, 2008, 18’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Karani Ngufu, de Christian Gakombe. Ruanda, 2005, 8’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Goretti, de estudantes de Kemit. Ruanda, 2006, 13’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Cicatrizes dos dias (Scars of days), de Omar Sibomana. Ruanda, 2006,15’ | Legendas em português | Exibição em DVD. Dois amigos chegam a cidade e têm destinos diferentes. Um se torna motorista de uma bela mulher, acaba virando gigolô e contrai AIDS. O outro se torna um homem de negócios próspero e esperto.
Postar um comentário